Como comprar cordas pro meu contrabaixo?

Comprar cordas pro seu Contrabaixo  é como comprar qualquer outro produto, ou seja, precisamos responder algumas perguntas pra saber o que desejamos.

Qual o material utilizado na corda?

Uma corda de Contrabaixo pode ser feita de diversos materiais é importante escolher o mais adequado pra que você tenha um som melhor e uma durabilidade maior.

Qual o enrolamento da corda?

O tipo de enrolamento vai definir brilho, volume, sustentação.

Qual a Tensão ou calibre?

Essa propriedade vai  determinar a grossura da corda e portanto a sua tocabilidade.

Qual a finalidade?

Ou seja qual o estilo que você vai tocar e quais as técnicas mais utilizadas e dentro desses estilos quais os encordoamentos de Baixo mais recomendados.

Por último qual a marca da corda?

A marca da corda não é o mais importante, mas sempre devemos desconfiar de uma marca que seja pouco conhecida e que tenha uma preço muito barato.

Marcas

È muito importante levar em conta que a marca da corda é um gosto pessoal e portanto cada guitarrista terá a sua opinião, abaixo cito algumas marcas e a minha opinião pessoal a respeito.

baixo d adarioD'addario – Gosto muito do custo benefício dessa corda ela tem um preço acessível, um bom som e uma durabilidade boa.

Gianinni – As cordas Gianinni tem um bom custo benefício e um som bom.

NIG – Não gusto do som das cordas Nig acho muito abafado, pra quem tem dúvida experimente colocar apenas uma corda dessa marca no Contrabaixo e você verá que a diferença de qualidade é nítida.

baixo elixirElixir – Uma corda muito boa mas um preço bem salgado. É uma marca bem conceituada muitos baixistas conceituados usam essa marca.

Ernie Ball – Boa durabilidade e bom som.

Fender – Não gosto das cordas Fender, acho um preço salgado pra um retorno não tão excepcional. Mas elas tem bom som.

Dean Markley – É uma marca bem conceituada muitos contrabaixistas conceituados usam essa marca.

Tocabilidade
Quanto menor o diâmetro da corda, menor a tensão, mais leve ficará a corda, e mais macia no braço, facilitando a utilização de vibratos, mas aumenta o risco da corda se quebrar.
Com o aumento do calibre aumenta a necessidade de exercer maior pressão sobre as cordas. Quanto maior a tensão mais força o músico exercerá pra conseguir tocar.

Ajustes

Não basta apenas trocar as cordas de seu Contrabaixo de um calibre pra outro, quanto você faz essa opção você tem que ajustar o seu Contrabaixo e por isso eu recomendo nesses casos o trabalho de um luthier.
Ao optar por um jogo de cordas de calibre maior ou menor, em relação ao instrumento, atente para alguns ajustes:
• Adaptação das cavidades do nut (pestana)
• Ajuste no tensor
• Regulagem da altura dos carrinhos da ponte

Durabilidade

 De quanto em quanto tempo eu devo trocar as cordas de meu Contrabaixo?

Essa é uma pergunta que vai depender muitos dos cuidados que você tiver com a mesma. Uma boa média seria a cada 6 a 12 meses. Mas é importante ter em mente que se você deixa de limpar as cordas do Contrabaixo rapidamente ela criará pontos de oxidação e isso interferirá na afinação.

Cuidados para duração de sua Corda

Alguns cuidados são necessários pra que uma corda dure:

Toda vez que tocar procure passar um pano pra limpar o suor das mãos que ficou nas cordas.

Depois de tirar a sujeira das cordas passe um antioxidante, alguns recomendam silicone, outros um óleo lubrificante

Materiais Utilizados na corda

Existem diverso materiais que são utilizados para fabricação de um jogo de cordas.

Pure Nickel: revestimento em níquel com núcleo de aço. Esse material é magneticamente fraco portanto o volume sonoro é menor o que resolvemos com uma aproximação maior dos captadores. A característica é de um som mais "vintage" por apresentar mais suavidade e menos saída.

Nickel Plated Steel: revestimento em níquel e aço com núcleo de aço. Pelo fato de conter o aço na liga de revestimento, os encordoamentos com referido material oferecem uma maior tração magnética. Produzem maior intensidade de volume na captação da vibração das cordas. É o mais utilizado por contrabaixistas.

Stainless Steel: revestimento de aço inoxidável em núcleo de aço. Essa liga de aço promove um som mais limpo, com volume acentuado e muito brilho. Como é feito totalmente de aço inoxidável enferruja bem menos, sua tração magnética é muito forte afetando a captação natural da vibração da corda, dependendo da proximidade do captador. Esse tipo de material é um pouco mais rígido e não tão suave ao toque.

Tipos de Enrolamentos
roundwoundO enrolamento refere se ao tipo de revestimento que envolve o material liso, ou seja, o núcleo que é o material principal.

Roundwound: arredondado interna e externamente.Aspereza ao toque, brilho, volume e alta sustentação.Tipo mais utilizado e de custo relativamente baixo.

Flatwound: plana interna e externamente. Corda totalmente lisa, muito usada por jazzistas. Possui baixo atrito e pouca intensidade de volume e ataque. Boa opção para sons limpos.

Groundwound ou Halfflat: arredondada interna e lisa externa. Tentativa de idealizar uma corda Flat soar como uma Roundwound. Possui um pouco mais de brilho que a Flat.


Hexwound: núcleo e enrolamento externo hexagonais permitem uma ligação mais estreita e segura entre ambos. Promove um timbre mais preciso melhorando a qualidade tonal das cordas. É menos confortável e causa desgaste maior dos trastes.

Calibres

calibreAs cordas possuem calibres (espessura) diferentes cuja medida geralmente é em polegadas, tendo como referência sempre a primeira corda.

0.35, 0.40, 0.45 e 0.50 são os calibres mais populares. O “brilho” (forma popular com que são chamadas as freqüências agudas) é maior no calibre '0.35', enquanto o calibre '0.50' tem um destaque maior das freqüências graves.

Geralmente baixistas de Rock ou Funk preferem cordas de calibre mais brilhante, já os baixistas de Blues, Jazz e M.P.B. tendem a preferir calibres mais “foscos ou aveludados” (termos populares para as freqüências graves), o que não significa que todos devem seguir essa cartilha a risca. Devemos experimentar os tipos de cordas até acharmos o nosso padrão ideal.

Normalmente de fábrica os contrabaixos vêm com cordas 0.45. Se for mudar a grossura das cordas lembre de regular o Baixo para isso.

 

Receba nossos Artigos

 

Sobre nós:

A Primeiros Acordes tem como objetivo ensinar você a aprender a tocar no conforto de sua casa, com aulas, cursos, vídeo-aulas, métodos voltados para o aprendizado online.

Contato

Primeiros Acordes

Email: marcos.dupra@globo.com

Horário: 9:00 ás 18:00 hs

Não temos loja física